Apartamentos na Flórida podem ser apartamentos de férias?

Uma pergunta frequente entre os interessados em adquiri imóveis nos Estados Unidos é como aproveitar da melhor forma possível os apartamentos na Flórida.

Quando pensamos em casas de veraneio, logo imaginamos aquelas espaçosas casas perto da praia de dois andares, jardim e crianças correndo na frente de uma rua tranquila. É um tipo bem comum de casa de férias, especialmente no Brasil, e não tem nada de errado com isso, ao contrário. Nem todo o mundo quer ou pode arcar com esse tipo de casa, porém. Seja por condições financeiras ou impossibilidade de contratar empregados para fazer a manutenção do imóvel diariamente.

Por isso, apartamentos na Flórida podem ser uma ótima alternativa:

  • Comprar uma casa de veraneio perto da Disney é ótimo, mas ter um apartamento em Orlando, por exemplo, pode ser mais prático para quem deseja uma diversidade maior de atrações turísticas sem ter que gastar tanto com táxis ou combustível.
  • Há quem ache que apartamentos são pequenos demais, mas isso não é necessariamente verdade. Há apartamentos no estado que são perfeitamente amplos, de qualidade e até mesmo de luxo e que dão espaço até de sobra para famílias grandes ou pequenas.
  • Outro ponto positivo é que apartamentos são mais baratos. Casas na Flórida já são mais baratas do que imóveis dentro do próprio Brasil, e apartamentos, então, são ainda mais acessíveis.

Possuir imóveis na Flórida é um investimento muito lucrativo para toda a família. Seu apartamento pode se tornar um apartamento de férias na Flórida e ainda lhe render bons lucros em pouco tempo. Considere comprar imóveis na Flórida de alta qualidade e bem localizados, desta forma, o retorno é garantido.

Ligue para  0800-891-2148 e saiba como dar o primeiro passo para investir em apartamentos na Flórida.

About Albert Stimer

Albert Stimer é proprietário da imobiliária Towns Realty na Flórida e junto com seu time ajuda clientes do Brasil e do mundo inteiro a realizar o sonho da casa própria nos EUA.

Contate Albert Stimer no Google+